quinta-feira, 29 de abril de 2010

Oieeeeeeeeeee, novidades da Interdidatica

DIA 29/04/2009 (QUINTA-FEIRA)
MANHÃ
FÓRUM - CONFERÊNCIAS
Horário Grande Auditório
09h30
às
10h30
Participação dos Pais e Melhoria da Qualidade
Palestrante: Prof. Dr. Mozart Neves Ramos
10h45
às
11h45
Vovó na Janela
Palestrante: Prof. Dr. Claudio de Moura Castro
12h00
às
13h45
Pausa para Almoço e Visitação da Feira
TARDE
CONFERÊNCIAS - FÓRUM
Horário Grande Auditório
14h00
às
15h00
Participação dos Pais, Qualidade da Educação e Democracia
Palestrante: Prof. Dr. Renato Janine Ribeiro
15h15
às
16h15
Os Determinantes do Desempenho Escolar do Brasil
Palestrante: Prof. Dr. Naércio Menezes Filho
16h30
às
17h30
Computador na Avaliação como Base para Testes de Audição e Compreensão Visual
Palestrante:
Prof. Dr. Olaf Köller


Gente, o Prof Mozart deu um show e disse muitas verdades. Mostrou um levantamento que diz que os pais representam 80% da aprendizagem do aluno ficando para a escola 20%. É o que sempre falamos, mas a SEE de São Paulo sempre coloca a culpa no professor. Também falou da necessidade do diálogo da SEE com os professores e que o professor deve ser muito bem remunerado. No final de Semana vou postar uns materiais e falar mais sobre o assunto, porque acabei de chegar e estou exausta.
O pior momento do dia, foi na 4ª palestra onde o palestrante criticou os professores e deu razão as politicas excludentes dessa SEE, parecia que estava lá (assim como no dia anterior) pra fazer propaganda do Sr. Nefasto/Serra. O pessoal ficou bravo. Ele caiu na besteira de dizer que o diretor é o culpado das coisas não andarem, que ele tem que liderar, escolher e citou como exemplo o Bernardinho. Um dos professores presentes lhe explicou que o Bernardinho ganha muito bem, pode escolher com quem trabalhar e só tem os melhores. Assim fica fácil.... até
Se tiver alguem lá, me procura, hehe..... bjks

clique aqui e conheça a sinopse das palestras e o curriculo dos palestrantes.

Participação dos Pais na Educação melhora aprendizado


Um dos principais impasses no engajamento dos pais na educação parece ser os limites dessa participação. O diálogo aberto entre pais, educadores e gestores é um desafio nas organizações e uma via capaz de conduzir ao entendimento, à superação e ao crescimento. As relações entre escola e família baseiam-se na divisão do trabalho da educação de crianças e jovens, envolvendo expectativas recíprocas.
A Participação dos Pais na Educação é uma tendência mundial imprescindível para otimizar o ensino e proporcionar crescimento cognitivo aos estudantes. A ausência dos genitores na educação é claramente visualizada em pesquisas que demonstram que os pais não conhecem a realidade dos filhos na escola. Muitos acreditam no bom aprendizado das crianças, enquanto exames avaliam desempenho insatisfatório.
Renomados palestrantes brasileiros e internacionais compartilham suas experiências com educadores durante o Fórum Educacional Interdidática, que acontece de 28 a 30 de abril de 2010, no Palácio das Convenções do Anhembi, em São Paulo.
O professor doutor Mozart Neves Ramos discorre sobre Participação dos Pais e Melhoria da Qualidade, no segundo dia do evento. Para ele, o Brasil só será verdadeiramente independente quando todos seus cidadãos tiverem uma educação de qualidade. Partindo dessa ideia, representantes da sociedade civil, educadores, organizações sociais, iniciativa privada e gestores públicos de educação se uniram no Todos Pela Educação, projeto presidido por ele.
Mozart Neves Ramos é doutor em química pela Unicamp com pós-doutoramento pela Politécnica de Milão. Pesquisador do CNPq, foi reitor da Universidade Federal de Pernambuco e Secretário de Educação de Pernambuco. Presidiu a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior e o Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Educação. É autor do livro “Educação Sustentável” e membro do Conselho Nacional de Educação, Vice-Presidente da Câmara de Educação Básica e Presidente-Executivo do movimento Todos Pela Educação.

Nenhum comentário: