segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Aos amigos e eleitores,


 As eleições para presidente foram para o segundo turno com o uso e abuso de falácias que, como sabemos, são discursos construídos com base em mentiras e proferidos com tanto entusiasmo que as pessoas acolhem como verdades inquestionáveis. Agora, repasso algumas informações pautadas em dados oficiais e que a mídia, por algum motivo, não transmite aos eleitores.

  • José Serra foi o único ministro que normatizou o aborto no país quando, em 1998, assinou norma técnica para o SUS (Sistema Único de Saúde), ordenando regras para fazer aborto até o quinto mês de gravidez.

  • O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), partidário de José Serra, foi eleito senador em 1986. Em dezembro de 1992 saiu do senado, no meio do mandato, para ser ministro das Relações Exteriores e depois da Fazenda, no governo Itamar Franco. Assumiu sua suplente Eva Blay (PSDB). No dia 23 de junho de 1993, ela apresentou o Projeto de Lei no Senado n° 78/1993, revogando todos os artigos do Código Penal que criminalizam e penalizam a prática do aborto. O Plano Nacional de Direitos Humanos II, assinado por FHC, previa ampliação dos casos de aborto legal.  Elaborado em 2002, no governo Fernando Henrique Cardoso, na página 16,  o referido plano defende a ampliação da legalização do aborto: 179. Apoiar a alteração dos dispositivos do Código Penal referentes ao estupro, atentado violento ao pudor, posse sexual mediante fraude, atentado ao pudor mediante fraude e o alargamento dos permissivos para a prática do aborto legal, em conformidade com os compromissos assumidos pelo Estado brasileiro no marco da Plataforma de Ação de Pequim.
VEJA ABAIXO OS VOTOS DO DEPUTADO JOSÉ SERRA AVALIADO COM NOTA 3,5, PELO DIAP (DEPARTAMENTO INTERSINDICAL DE ASSESSORIA PARLAMENTAR).  QUANDO AVALIADO PELO MESMO ÓRGÃO, LULA TEVE O CONCEITO 10.

O Deputado José Serra votou:

- Contra a redução da jornada de trabalho para 40 horas;
- Contra as garantias de estabilidade no emprego ao trabalhador;
- Contra a implantação de Comissão de Fábrica nas indústrias;
- Contra o monopólio nacional de distribuição do Petróleo;
- Contra o direito de greve;
- Contra o abono de férias de 1/3 salário;
- Contra o aviso prévio proporcional;
- Contra a estabilidade dos dirigentes sindicais;
- Contra a garantia de 30 dias de aviso prévio;
- Contra a garantia do salário mínimo real.
Fonte: DIAP - "Quem foi quem na Constituinte", p.621
 
RESPONDA BEM RÁPIDO?

QUAL CANDIDATO DIZ SER CONTRA O ABORTO E O APROVOU NO SUS EM 1998?
QUAL CANDIDATO DIZ SER A FAVOR DA VIDA E APROVOU A PÍLULA ABORTIVA DO DIA SEGUINTE?
QUAL CANDIDATO PERTENCE A MAÇONARIA?
QUAL CANDIDATO FECHOU COM OS ILUMINATIS?
QUAL CANDIDATO VAI VENDER A PETROBRÁS???
QUAL CANDIDATO SAI DIZENDO QUE FEZ OS GENERICOS E QUEM E FEZ FOI O MIN.DA SAUDE JAMIL HADDAD NO GOV. ITAMAR FRANCO? 
QUAL O CANDIDATO QUE VOTOU CONTRA TODOS PROJETOS TRABALHISTA E SOCIAIS NA CONSTITUINTE DE 1988 E HOJE DIZ QUE É A FAVOR DO TRABALHADOR? FONTE DIAP.
QUAL O CANDIDATO QUE MANDA BATER EM PROFESSORES, E AGORA TÁ DIZENDO QUE É PROFESSOR?
QUAL O CANDIDATO QUE BATEU O MARTELO NO GOV. FHC PARA VENDER O PATRIMÓNIO DO BRASIL, E AGORA TÁ DIZENDO QUE NÃO VAI VENDER?
QUAL O CANDIDATO QUE TODO PROGRAMA SAI COM MAIS UMA PROMESSA QUE ELE SABE QUE NÃO VAI CUMPRIR?
POR TODAS ESTAS MENTIRAS E BAIXARIA DE CAMPANHA, VOTE DILMA-13 PARA O BRASIL CONTINUAR NO RUMO.
"SE VOCÊS, TRABALHADORES E FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS, JÁ USUFRUÍRAM DESSES DIREITOS E RECONHECEM SUA IMPORTÂNCIA, PENSEM BEM ANTES DE VOTAR E LEMBREM-SE: O VOTO É UM DIREITO E NÃO PODE SER VENDIDO A QUALQUER PREÇO"

Nenhum comentário: