sábado, 19 de março de 2011

Consulta ao bônus deve sair na próxima semana

Carol Rocha e Cristiane Gercina
Clipping Educacional - do Agora
A Secretaria de Estado da Educação deverá divulgar hoje, além do Saresp (Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo), a média geral do Idesp (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo). Os indicadores são utilizados para o pagamento do Bônus da Educação.
Porém, a lista com o Idesp individual de cada escola deverá sair só a partir da semana que vem. Somente aí será possível saber quais unidades atingiram a média e quais servidores receberão o bônus.
As regras para o pagamento são as mesmas de 2010, segundo a Educação. O benefício é pago a todos os servidores ativos da área --os aposentados não têm direito.
Fonte: http://www.agora.uol.com.br
 
Em breve será divulgado os resultados IDESP 2011 em relação aos Bônus dos Professores Estaduais de SP, este bônus será para professores da rede pública estadual no qual somam 210 mil funcionários que irão receber o bônus no próximo dia31 de março de 2011.
Para quem não sabe o IDESP é “Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo”, ou seja, é um índice geral que qualifica o desenvolvimento das escolas do estado de São Paulo. Para que o bônus de cada professor de SP 2011 seja interessante este dependerá de seu atual cargo e principalmente da nota do IDESP da escola que trabalha tirou.
Caso o índice chegue a 100 % os professores estaduais irão ganhar 2,4 salários mínimos mensais a mais, um ótimo incentivo. Se o resultado da IDESP 2011 da escola superar suas metas em 50% o bônus para os professores será também de 50 %. Aquelas escolas que superar em 20% o bônus será de 2,9 salários a mais.
Acompanhe um resumo de como deve ficar os bônus separados por cargo.
Bônus Professores Estaduais SP 2010 – Cargos
  • 117.464 educadores ganharão mais do que R$ 2.500,00
  • 92.469 terão bônus de até R$ 2.500,00
  • 36.939 professores devem ganhar mais de R$ 5.000,00
  • 4.147 educadores terão bônus de mais de R$ 8.000.
Quem tem direito ao bônus dos Professores de SP 2010
Essa informação é muito importante, para ter direito ao bônus os professores devem ter trabalhado no mínimo 244 dias ou seja 2/3 de um ano letivo, caso tenha faltas nesse período o desconto será proporcional ao valor bônus;
Profissionais e Cargos com direito ao Bônus;
  • Supervisores de Ensino
  • Secretário de Escola
  • Professores Coordenadores
  • Supervisores
  • Assistentes de Administração Escolar
  • Diretores
  • Agentes de Serviço Escolar
  • Agentes de Organização Escolar
Como já foi dito anteriormente o bônus será pago de acordo com o resultado obtido no IDESP 2011, além do nível de ensino no qual trabalham atualmente: 1ª à 5ª série, 6ª à 9ª, e Ensino Médio.
A consulta ao bônus dos professores estaduais de SP 2011 deve ser divulgada no mêsmo dia 31 de março, vamos aguardar alguns dias.  As equipes das escolas receberão de acordo com a média das escolas. Dirigentes de ensino e supervisores receberão pela média das escolas na sua região.
E para saber informações leia agora o artigo no site do governo de SP: http://www.saopaulo.sp.gov.br/
E você o que achou desse bônus dos professores estaduais de SP 2011 ? Gostou ? Deixe sua opinião, fale um pouco e contribua com o blog (basta clicar nas propagandas).

No total, 80,8% melhoraram; escolas mais vulneráveis avançaram ainda mais
Data da Notícia: 18/03/2009

Hoje 18 de março, na sede da Secretaria da Educação foi anunciado em evento, o Índice de Desenvolvimento da Educação de São Paulo (Idesp) de 2008. Pela primeira vez é possível a comparação do indicador entre dois anos, 2007 e 2008. O resultado mostra que 71,4% das escolas atingiram alguma ou todas as metas. No total, 80,8% das escolas estaduais evoluíram.

Das 5.183 escolas avaliadas, 80,8% melhoraram em todos ou em algum dos ciclos que oferece (1ª a 4ª, 5ª a 8ª e Ensino Médio): 71,4% atingiram ou superaram suas metas em algum ou todos os ciclos e 9,4% evoluíram sem atingir metas.

O Idesp 2008 aponta que a Educação de São Paulo avançou especialmente no Ensino Médio, fase que antecede a entrada dos alunos no ensino superior: 88,2% das escolas evoluíram, sendo que 84,4% chegaram ou superaram a meta e 3,8% cresceram sem chegar à meta.

De 5ª a 8ª do Ensino Fundamental o resultado mostra que 55,8% das escolas melhoraram de desempenho: 44,8% atingiram ou superaram a meta e 11% cresceram sem chegar à meta. Já de 1ª a 4ª do Ensino Fundamental 51% das escolas avançaram: 40,5% cumpriram ou superaram a meta e 10,5% avançaram sem bater a meta.

“O número de escolas que atingiram metas é animador.
Há muito trabalho a ser feito, ainda temos um longo caminho para chegarmos a níveis de Educação dos países mais evoluídos do mundo. Mas São Paulo mostra que está no caminho certo, que os projetos para melhorar a aprendizagem vêm dando resultado”, afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.

“É fundamental destacar o trabalho dos professores, diretores, supervisores, enfim, de todos educadores. A rede estadual mostra que tem profissionais qualificados e dispostos a mudar os resultados da educação”, diz a secretária.

Sobre o Idesp

O Idesp estipula ano a ano metas que as escolas estaduais paulistas devem alcançar. Cada uma das 5.183 escolas passíveis de avaliação ganhou, já no ano passado, um índice para 2007 e metas a serem alcançadas. Além de 2008, as escolas têm metas para todos os anos, ou seja, 2009, 2010, 2011 etc.

Para criar o índice de qualidade, o Idesp, a Secretaria considerou dois critérios: o principal resultado de desempenho dos alunos no Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (Saresp) e o fluxo escolar (taxa de aprovação média em cada ciclo) em cada nível de ensino das escolas. A escola tem um Idesp para cada ciclo. Ou seja, a escola que tem três ciclos (1ª a 4ª, 5ª a 8ª e Ensino Médio) tem três índices, três metas.

Evolução das escolas com Idesp mais baixo

No ano passado a Secretaria resolveu aprimorar o trabalho das 379 escolas que tiveram os piores desempenhos no Idesp. Elas equivalem a 5% de escolas com pior resultado em 2007. O Idesp de 2008 mostra extrema evolução destas unidades. No Ensino Médio, 99,4% cumpriram ou superaram suas metas. De 5ª a 8ª, 82,4% atingiram ou superaram suas metas e 8,65% evoluíram sem atingir metas. De 1ª a 4ª, 72% cumpriram ou superaram as metas e 8,6% cresceram sem atingir metas.

Divulgação dos resultados

A Secretaria de Estado da Educação disponibiliza desde hoje os boletins de todas escolas no site www.educacao.sp.gov.br (banner Idesp). O objetivo é que, além de educadores da rede, a sociedade paulista possa verificar o resultado da escola de seu interesse.

Participaram do evento a Secretaria de Educação, Maria Helena Guimarães de Castro, o Presidente da FDE, Fábio Bonini e o Diretor de Tecnologia João Thiago Poço.

Da Secretaria de Educação

Em tempo, advinhem quem já tem os índices? Os jornais................ por que?????????????????????
 

Nenhum comentário: