segunda-feira, 17 de junho de 2013

Manifestações

Gente, estou ficando preocupada com a ignorância daqueles que estão lutando e até dos que estão apoiando a luta. Há necessidade de se lutar e denunciar a corrupção? SIM. Mas as pessoas, manipuladas por certos grupos como estão, não tem consciência do que estão fazendo. Se quer, sabem quem são os culpados. Mandaram xingar a Dilma e governadores e prefeitos e o estão fazendo. Convém lembrar, que pra governarem, eles dependem (não os estou defendendo, mas estou querendo que a culpa seja igualmente dividida com todos os culpados) do legislativo (senadores, deputados e vereadores), que por sua vez, tem rabo preso com grandes empresário, multinacionais, etc. Quem faz as leis, são eles. São eles que diminuem o salario dos professores como o episódio da semana retrasada e aumentam o seu. São eles que criam leis que beneficiam aqueles que sustentam suas campanhas. A corrupção no Brasil, vem do zé da esquina, que vende seu voto por dentadura, até o mais alto escalão. O brasileiro é corruptivel. Aprendeu desde pequeno que achado não é roubado e que não se olham os dentes de cavalo dado. Saindo estes políticos corruptos, outros entrarão. Inicialmente até com boa intenção, mas serão seduzidos pelas beneces dos grandes empresários. E é este ciclo vicioso que oprime este país há mais de 500 anos. Não adianta enxotar a Dilma (a que estã sendo mais criticada) se os deputados e senadores não forem trocados. Se não forem criadas leis q beneficiem a população. Que a proteja dos atos libidinosos desses que por ela são escolhido para representá-la.
Por que o povo não sabe ou não tem consciência destas coisas? Porque na escola, não se aprende sobre política. Porque dizem que política e religião não se discute. Porque a maioria dos alunos de hoje e os a pouco tempo formados, somente iam na escola para fazer "o social", ou não perder a bolsa família ou não serem mandados para o conselho tutelar. Porque muitos de nossos professores também são apoliticos. Porque a educação neste país não é levada a sério. POR NINGUÉM, nem pela população. Que acha que a professora tem a obrigação de suportar seu filho falando palavrão e de fone de ouvido, mexendo no celular a aula toda.
Porque o povo prefere futebol e "bunda", músicas de péssima qualidade, que fazem apologia a marginalidade e ao sexo animal e, que se aparecer alguém com uma boa soma em dinheiro, pedindo a alma, ela lhe será vendida.
EDUCAÇÃO, esta é a resposta para toda esta situação que está sendo vivida e conhecimento do que é e como deve funcionar a politica e aqueles que se dizem (e que foram por nós escolhidos) nossos representantes.

Nenhum comentário: